José Carmine Dianese

Pesquisador 1 (ou equivalente) do CNPq desde 1985, 1-A, depois 1B a partir de 2006. Agrônomo pela Univ. Federal de Viçosa (1962), Mestre Fitopatologia UFV (1964), PRIMEIRO BRASILEIRO com MsC (1968) e PhD (1970) em Fitopatologia pela Univ. of California - Davis. SEGUNDO BRASILEIRO a se doutorar em Fitopatologia nos EUA. DIRETOR Inst. de Ciências Biológicas-UnB (1972-1978), Prof. Titular-UnB (1985), aposentado em 1992; re-concursado Adjunto-1993 e aposentado Associado (2010), responsável pela montagem dos Deps. de Fitopatologia (financiamento: US$ 300.000, EMBRAPA-1975) e Ecologia (US$ 1.500.000,00 FINEP-1976). Membro Com. Ciências Agrárias-CNPq (década de 80), mentor da transferência para a UnB dos fitopatologistas E. W. Kitajima, C. L. Costa e F. P. Cupertino; trouxe dos EUA 3 colegas da UC-Davis, os Profs. H. Bolkan, C. S. Huang e M-T. Lin. Para a Ecologia trouxe do Reino Unido David R. Giford, James Ratter, Peter Furley, Colin Johnson e da Alemanha Reimar Schaden. Foi Chefe do Dep. de Fitopatologia 8 anos, Coordenador da Pós-graduação, Membro na UnB: Conselho Univers. 6 anos (1972-1978), Câmara de Pesq. e Pós-grad. (8 anos), Conselho do Inst. de Ciências Biol. (mais de 25 anos), Conselho Consultivo do Meio Ambiente (hoje CONAMA) representando o MEC (1975-1978), Pres. da Assoc. Latino-Americana de Micologia (2002-2005), Pres. do V Congresso Lat. Americano de Micologia 2005, Diretor Adm. Soc. Bras. de Fitopatol. (2002-2005), Vice-Pres. da Soc. Bras. de Micologia (2004-2007). ÚNICO BRASILEIRO: Membro do Executive Committee da Intern. Mycological Association (1994/98, 2006/10, 2010/2014); Membro do Mycology Committee da Phytopathological Soc. of America (2004/07, 2007/11, 2011/13); Membro da Inter. Commission on the Taxonomy of Fungi (2006/10, 2010/14) filiada à Intern. Union of Microbiol. Societies; MEMBRO HONORÁRIO da Associação Latino-Americana de Micologia-2008; HONORARY MEMBER da Mycol. Soc. of America, eleito em 2010. Membro do Cons. Editorial do periódico IMA Fungus, da International Mycol. Association (CBS-Holanda) 2010. Publicou 105 trabalhos, sendo 56% em periódicos estrangeiros. Experiência: doenças fúngicas e bacterianas-trabalhos em Phytopathology, Plant Disease Reporter, European J. of Forest Pathology, Plant Disease, Plant Pathology, Australasian Plant Pathology, Tropical Pest Management; produção em Micologia: em Mycol. Research, Mycologia, Mycol. Progress, Mycotaxon, Sydowia, além de um nos An. da Acad. Bras. de Ciênc.; com capítulos de livros editados pelo CABI Bioscience-UK, CSIRO-Australia e Hong Kong Univ. Press. A partir de 1993, dedica-se aos fungos do Cerrado e publicou105 espécies novas, além de mais de 20 novos gêneros, a maioria no exterior. Montou a Coleção Micológica do Herb. UB com financiamento (US$ 250.000,00) Fundação Banco do Brasil, hoje com cerca de 23.000 espécimes, tendo comandado expedições de coleta por todo o Cerrado Brasileiro. Palestrante convidado no II, V, VI e VII (2011) Congressos Latino Americ. de Micologia, IV International Mycol. Congress (Vancouver, Canadá, 1998) e no VI International Mycol. Congress em 2006 (Austrália), no Annual Meeting da Mycol. Soc. of America (2007, 2011) e nas Universidades da Calif. Davis e Riverside, Minnesota, Florida, Shizuoka, Tsukuba, Auburn. Int. Mycol. Inst. (UK) e CBS (Holanda). Pres. do VI Cong. Bras. de Micologia, Brasília, 2010. Orientou/a 41 estudantes de pós-graduação, 31 MS e 10 doutorados. Entre os seus discípulos constam 12 (~40 %) professores ou ex-prof. universitários e 1 segundo lugar no Premio Jovem Cientista. Orienta 3 doutorandos, Coordenador da Pósgrad. em Fitopatologia, até maio de 2010. Avaliador promoção a Associate Professor do Dr. Nasser Al-Hazmi da KING ABDULAZIZ UNIV-A. Saudita, 2011; Coordenador Avaliação Pronex, FAPEMIG 2011. Membro do Permanent Nomenclature Committee for Fungi (2011/15). Primeiro brasileiro a receber o "Emil Mrak Award-UC-Davis 2013". FELLOW- AMERICAN PHYTOPATH. SOC., 2013quisador 1 (ou equivalente) do CNPq desde 1985, 1-A, depois 1B a partir de 2006. Agrônomo pela Univ. Federal de Viçosa (1962), Mestre Fitopatologia UFV (1964), PRIMEIRO BRASILEIRO com MsC (1968) e PhD (1970) em Fitopatologia pela Univ. of California - Davis. SEGUNDO BRASILEIRO a se doutorar em Fitopatologia nos EUA. DIRETOR Inst. de Ciências Biológicas-UnB (1972-1978), Prof. Titular-UnB (1985), aposentado em 1992; re-concursado Adjunto-1993 e aposentado Associado (2010), responsável pela montagem dos Deps. de Fitopatologia (financiamento: US$ 300.000, EMBRAPA-1975) e Ecologia (US$ 1.500.000,00 FINEP-1976). Membro Com. Ciências Agrárias-CNPq (década de 80), mentor da transferência para a UnB dos fitopatologistas E. W. Kitajima, C. L. Costa e F. P. Cupertino; trouxe dos EUA 3 colegas da UC-Davis, os Profs. H. Bolkan, C. S. Huang e M-T. Lin. Para a Ecologia trouxe do Reino Unido David R. Giford, James Ratter, Peter Furley, Colin Johnson e da Alemanha Reimar Schaden. Foi Chefe do Dep. de Fitopatologia 8 anos, Coordenador da Pós-graduação, Membro na UnB: Conselho Univers. 6 anos (1972-1978), Câmara de Pesq. e Pós-grad. (8 anos), Conselho do Inst. de Ciências Biol. (mais de 25 anos), Conselho Consultivo do Meio Ambiente (hoje CONAMA) representando o MEC (1975-1978), Pres. da Assoc. Latino-Americana de Micologia (2002-2005), Pres. do V Congresso Lat. Americano de Micologia 2005, Diretor Adm. Soc. Bras. de Fitopatol. (2002-2005), Vice-Pres. da Soc. Bras. de Micologia (2004-2007). ÚNICO BRASILEIRO: Membro do Executive Committee da Intern. Mycological Association (1994/98, 2006/10, 2010/2014); Membro do Mycology Committee da Phytopathological Soc. of America (2004/07, 2007/11, 2011/13); Membro da Inter. Commission on the Taxonomy of Fungi (2006/10, 2010/14) filiada à Intern. Union of Microbiol. Societies; MEMBRO HONORÁRIO da Associação Latino-Americana de Micologia-2008; HONORARY MEMBER da Mycol. Soc. of America, eleito em 2010. Membro do Cons. Editorial do periódico IMA Fungus, da International Mycol. Association (CBS-Holanda) 2010. Publicou 105 trabalhos, sendo 56% em periódicos estrangeiros. Experiência: doenças fúngicas e bacterianas-trabalhos em Phytopathology, Plant Disease Reporter, European J. of Forest Pathology, Plant Disease, Plant Pathology, Australasian Plant Pathology, Tropical Pest Management; produção em Micologia: em Mycol. Research, Mycologia, Mycol. Progress, Mycotaxon, Sydowia, além de um nos An. da Acad. Bras. de Ciênc.; com capítulos de livros editados pelo CABI Bioscience-UK, CSIRO-Australia e Hong Kong Univ. Press. A partir de 1993, dedica-se aos fungos do Cerrado e publicou105 espécies novas, além de mais de 20 novos gêneros, a maioria no exterior. Montou a Coleção Micológica do Herb. UB com financiamento (US$ 250.000,00) Fundação Banco do Brasil, hoje com cerca de 23.000 espécimes, tendo comandado expedições de coleta por todo o Cerrado Brasileiro. Palestrante convidado no II, V, VI e VII (2011) Congressos Latino Americ. de Micologia, IV International Mycol. Congress (Vancouver, Canadá, 1998) e no VI International Mycol. Congress em 2006 (Austrália), no Annual Meeting da Mycol. Soc. of America (2007, 2011) e nas Universidades da Calif. Davis e Riverside, Minnesota, Florida, Shizuoka, Tsukuba, Auburn. Int. Mycol. Inst. (UK) e CBS (Holanda). Pres. do VI Cong. Bras. de Micologia, Brasília, 2010. Orientou/a 41 estudantes de pós-graduação, 31 MS e 10 doutorados. Entre os seus discípulos constam 12 (~40 %) professores ou ex-prof. universitários e 1 segundo lugar no Premio Jovem Cientista. Orienta 3 doutorandos, Coordenador da Pósgrad. em Fitopatologia, até maio de 2010. Avaliador promoção a Associate Professor do Dr. Nasser Al-Hazmi da KING ABDULAZIZ UNIV-A. Saudita, 2011; Coordenador Avaliação Pronex, FAPEMIG 2011. Membro do Permanent Nomenclature Committee for Fungi (2011/15). Primeiro brasileiro a receber o "Emil Mrak Award-UC-Davis 2013". FELLOW- AMERICAN PHYTOPATH. SOC., 2013.

Link para o Lattes.