Egressos

   Egressos do Programa de Pós-graduação em Fitopatologia, atuam em diversas instituições; a maioria está engajada no ensino (23,1 %), na pesquisa (23,9 %), na área específica de suas especialidades; alguns atuam em órgãos públicos (18,3 %); outros exercem atividades dentro da iniciativa privada (8,6%). São alunos de Doutorado 7,5 % dos egressos do programa e ainda não foram identificadas as atividades desenvolvidas por 18,6 % dos egressos. As universidade e a Embrapa são grandes receptoras de profissionais formados no programa e hoje pesquisadores oriundos do curso já exercem atividade de orientação e participam do ensino, especialmente os ligados a Embrapa Hortaliças.

Uma lista nominal dos egressos está disponível e pode ser consultada aqui.